Quarta-feira, 08 de Outubro de 2014
Pesquisa: o impacto do social-commerce no online e off-line Pesquisa: o impacto do social-commerce no online e off-line
No ano passado, vendas de social commerce cresceram três vezes mais do que o e-commerce em geral. O novo relatório produzido pela BI Intelligence avaliou o impacto das redes sociais no processo de compra online e off-line. O estudo considerou métricas de performance – taxa de conversão, valor do pedido e receita gerada a partir de compartilhamentos, curtidas e tuítes – em diferentes plataformas. Confira os principais pontos:

- Social commerce cresce rapidamente: os 500 maiores varejistas atingiram US$ 2,69 bilhões em compras por meio da social media em 2013. Segundo o Social Media 500, estudo da Internet Retailer, o segmento creceu 60% em relação a 2012, enquanto o mercado geral de e-commerce apresentou crescimento de 17%.

- Social commerce é ainda maior em termos de geração de receita quando se considera onde os consumidores iniciaram o processo de compra, o primeiro clique.

- O crescimento deve acelerar e as taxas de conversão devem aumentar com o lançamento de botões de compra pelo Facebook e Twitter, que permitirão que o público compre produtos a partir de posts nessas redes sociais.

- A plataforma de Mark Zuckerberg é líder em tráfego e vendas de social commerce: isso se deve, em grande parte, à audiência – 71% dos internautas norte-americanos estão na rede social. O share de um post de e-commerce corresponde a US$ 3,58 em lucros de vendas, de acordo com a AddShoppers. No Twitter, um share ou tuíte vale 0,85 centavos.

- Mas outros sites já faturam, mesmo que em métricas específicas como valor médio de pedido. O Pinterest tem uma média de US$ 65, por exemplo. Em comparação, o Facebook apresenta US$ 55. O Pinterest também impulsiona mais compartilhamento de conteúdo varejista do que qualquer outra rede social.

O estudo completo pode ser acessado no link:
https://intelligence.businessinsider.com/welcome?utm_source=House&utm_medium=Edit&utm_term=DM-SocialCommerceUpdate-9-17-14&utm_content=link&utm_campaign=BIIMobile
Fonte: ProXXIma
Tags: Pesquisa, Social commerce, Online, Offline, Processo de compra, Varejo
São Paulo - A Casas 17/09/2014 - Saiba quem são as 13 redes de moda que mais vendem no Brasil
São Paulo – Nos últi22/07/2014 - 20 franquias que buscam empreendedores no interior de SP
São Paulo - Ter uma 11/05/2015 - 30 opções de franquias para trabalhar de casa
São Paulo – Muitos e04/08/2014 - 20 opções de franquias para abrir em casa
São Paulo - Muitos e06/07/2015 - 20 franquias para quem pode investir até 20 mil reais
Os shoppings da Gran05/12/2014 - SP: Shoppings têm horário especial em dezembro para compras de Natal
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
natal economia comércio eletrônico vendas ipi e-commerce veículos indústria shoppings comércio supermercados crédito franquias faturamento ecommerce inadimplência varejo são paulo preços consumo

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront