Quinta-feira, 07 de Agosto de 2014
Estratégia falha e varejo perde vendas na Internet Estratégia falha e varejo perde vendas na Internet
Os sites de varejo estão mais lentos e, consequentemente, apresentam queda no desempenho. O motivo, aponta levantamento, é a complexidade das páginas. Em uma análise de 100 websites de e-commerce nos EUA, a página inicial leva, em média, seis segundos ou mais para apresentar seu conteúdo principal aos visitantes. Isso representa uma desaceleração de 27% em relação às métricas registradas em 2013.

Esse tempo de renderização é duas vezes mais lento que a experiência de usuário considerada ideal, de três segundos ou menos. Apenas 14% dos 100 maiores websites de varejo foram capazes de oferecer uma experiência otimizada ao usuários. E 17% dos websites levaram dez segundos ou mais, apenas para ser tornarem interativos.

Entre os maiores problemas estão a lentidão das páginas, o excesso de recursos complexos que impactam negativamente no desempenho e a repetição dos erros constatados no passado. O uso de imagens é um dos aspectos que mais prejudicam o desempenho. Isso ocorre porque a maioria dos proprietários de websites não tira proveito de técnicas de otimização de imagens, que podem melhorar consideravelmente os tempos de carregamento de uma página.

Os dados fazem parte do estudo “State of the Union: Ecommerce Page Speed & Web Performance, Summer 2014", feito pela Radware. Este relatório mede e monitora o desempenho e a composição da página dos 500 maiores websites de varejo dos Estados Unidos, com o objetivo de identificar o desempenho desses sites para os visitantes.

De acordo com o levantamento, em um ano, o tempo médio para interagir (TTI) diminuiu em 27% (de 4,9 segundos para 6,2 segundos), e o tempo médio de carregamento sofreu um aumento de 49% (de 7,2 segundos para 10,7 segundos). Houve também, no mesmo período, um aumento no tamanho médio de página. Em 2013, a página média continha 82 solicitações de recursos. Hoje, essa mesma página contém 100 solicitações.

Grande parte deste crescimento, no tamanho e complexidade, provém da proliferação de imagens mal otimizadas e scripts de terceiros (por exemplo, análise de páginas, botões de seguimento e sociais). Embora a maioria dos sites implante práticas significativas de desempenho, muitos não conseguem tirar proveito de técnicas mais avançadas e perdem oportunidades valiosas para acelerar suas páginas.

A análise mostrou que 96% dos sites permitem "keepalives" (uma técnica que permite conexões TCP para permanecer aberto por mais tempo, reduzindo assim o tempo gasto para reabrir conexões) e 78% utilizam uma rede de entrega de conteúdo para os recursos da página em cache, mais acessível aos usuários finais (diminuindo, assim, as viagens de ida e volta ao servidor e acelerando o tempo de funcionamento). Mas a maioria dos sites não consegue implantar as técnicas de tratamento de imagem, como a compressão e os JPEG progressivos.

"Estamos tão acostumados a esperar por imagens de alta qualidade em toda a web que vemos como natural, sem pensar sobre seu impacto no desempenho", diz Kent Alstad, vice-presidente de aceleração da Radware. De acordo com Alsad, o tamanho da página tem um impacto direto sobre sua velocidade, e as imagens constituem, pelo menos, metade do tamanho de uma página tradicional.

“Elas representam um terreno extremamente fértil para a otimização. No entanto, verificou-se que muitos dos principais varejistas não tiram proveito de técnicas como a compressão de imagem e a renderização progressiva de imagens, que podem melhorar o tempo de carregamento e a experiência do usuário", completa.
Fonte: Convergência Digital
Tags: Varejo, Vendas online, Ecommerce
São Paulo - A Casas 17/09/2014 - Saiba quem são as 13 redes de moda que mais vendem no Brasil
São Paulo – Nos últi22/07/2014 - 20 franquias que buscam empreendedores no interior de SP
São Paulo - Ter uma 11/05/2015 - 30 opções de franquias para trabalhar de casa
São Paulo – Muitos e04/08/2014 - 20 opções de franquias para abrir em casa
São Paulo - Muitos e06/07/2015 - 20 franquias para quem pode investir até 20 mil reais
Os shoppings da Gran05/12/2014 - SP: Shoppings têm horário especial em dezembro para compras de Natal
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
franquias comércio eletrônico inadimplência varejo comércio ipi consumo veículos shoppings preços supermercados são paulo e-commerce natal crédito vendas indústria ecommerce economia faturamento

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront