Quinta-feira, 20 de Abril de 2017
Aquisição de empresa pet pode ser a maior já registrada no setor de e-commerce Aquisição de empresa pet pode ser a maior já registrada no setor de e-commerce
Se você nunca ouviu falar da Chewy, você provavelmente não está sozinho. Mas a PetSmart, gigante varejista americana, viu no e-commerce focado em alimentos para pets um imenso valor. Viu, aliás, um valor tão alto que deve superar todas as aquisições já realizadas no setor de e-commerce. Segundo o site Recode, a PetSmart irá adquirir a Chewy por US$ 3,5 bilhões.

O acordo impressiona. É um valor superior, por exemplo, àquele pago pelo Walmart na compra da Jet.com no ano passado ou ao que o Facebook ofereceu pelo Snapchat (US$ 3 bilhões) em 2013, mas não bateu o martelo. As duas empresas envolvidas nesta aquisição, porém, são relevantes e proeminentes no setor de pets.

Com mais de 1,5 mil lojas, a PetSmart teve seu controle acionário vendido por US$ 8,7 bilhões há pouco mais de dois anos. Já a Chewy tem registrado um crescimento extremamente significativo. Só no ano passado, a companhia teve receita de US$ 900 milhões. Embora ainda sem lucro, espera atingir US$ 2 bilhões de receita neste ano, segundo o Los Angeles Times. A Chewy era, ao menos até esta aquisição da PetSmart, uma candidata a abrir capital nos Estados Unidos, sendo assessorada pelo Goldman Sachs. Foi fundada em 2011 por Ryan Cohen e Michael Day e ganhou fama, em parte, pela ampla variedade de alimentos oferecidos e pelo frete baixo (abaixo de US$ 49).

A chave do sucesso, porém, parece ser o nível de atendimento ao consumidor. A Chewy passou a cativar clientes, segundo análise do TechCrunch, após apostar em um serviço personalizado que inclui envio de cartas escritas à mão aos clientes agradecendo pela compra ou a disponilidade de funcionários para responder dúvidas frequentes dos clientes, donos de animais. O e-commerce conseguiu nos últimos anos aportes de US$ 236 milhões de fundos como Volition Capital, T. Rowe Price e BlackRock. À sua frente, um experimente executivo americano chamado Mark Vadon. Segundo o 1010Data, a Chewy detêm 51% do mercado de vendas online para pets.

Oficialmente, a PetSmart anunciou sua intenção de adquirir a Chewy na terça-feira (18), mas não revelou valores. Para a gigante do varejo, a aquisição poderia ajudá-la a se posicionar melhor nas vendas online, aproveitando o espaço e fama conquistados pela Chewy. Em comunicado divulgado ontem, o CEO da varejista, Michael Massey, afirmou que a aquisição seria um "complemento" de portfólio. "O modelo de serviço de e-commerce do cliente de alta tecnologia da Chewy e sua cultura centralizada focada no amor aos animais de estimação é o complemento ideal para o negócio da PetSmart".
Fonte: ÉPOCA NEGÓCIOS ONLINE
Tags: Aquisições, Empresa pet, Ecommerce, Chewy, Petsmart, Varejista americana
São Paulo - A Casas 17/09/2014 - Saiba quem são as 13 redes de moda que mais vendem no Brasil
São Paulo – Nos últi22/07/2014 - 20 franquias que buscam empreendedores no interior de SP
São Paulo - Ter uma 11/05/2015 - 30 opções de franquias para trabalhar de casa
São Paulo – Muitos e04/08/2014 - 20 opções de franquias para abrir em casa
São Paulo - Muitos e06/07/2015 - 20 franquias para quem pode investir até 20 mil reais
Os shoppings da Gran05/12/2014 - SP: Shoppings têm horário especial em dezembro para compras de Natal
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
supermercados veículos faturamento vendas consumo são paulo economia preços natal ecommerce ipi comércio eletrônico indústria inadimplência franquias shoppings crédito e-commerce varejo comércio

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront