Segunda-feira, 31 de Outubro de 2016
Black Friday: consumidores aproveitam para antecipar compras Black Friday: consumidores aproveitam para antecipar compras
Fazer compras sem lidar com os percalços de enfrentar filas nas lojas, correrias, compras de última hora e procurar vagas de estacionamento já é possível e está ao alcance das mãos do consumidor com a opção da Internet. O comércio eletrônico, conhecido como e-commerce, possibilita a comodidade da entrega dos produtos no conforto da casa do cliente, com economia de tempo, além de proporcionar a pesquisa de preços em diversas lojas e a facilidade do pagamento.

As lojas virtuais também participam da chamada “Black Friday”, porém, só vale até a sexta-feira, diferente dos estabelecimentos físicos localizados nos shoppings. Para aproveitar as promoções e os descontos, consumidores esperam o ano inteiro por esta data do varejo.

As compras da Black Friday já fazem parte da rotina anual da biotecnóloga Jéssica Costa. Eletroeletrônicos, tênis e livros são os principais itens da ‘cesta’ e Jéssica ressalta que espera pela data por perceber que o desconto compensa, principalmente em lojas virtuais.

Questionada se realmente vale a pena aguardar a Black Friday, a biotecnóloga ressalta que é preciso planejamento. “Já cheguei a pegar descontos de 200 reais em um tênis. A questão é que é bom já saber o que você quer comprar e já ter noção de preço com antecedência”, disse Jéssica Costa. “O grande problema é quando as pessoas deixam pra verificar de última hora, acabam de um deslumbrando com "promoções" que não são reais”, completou.

Decepção

Em 2011, quando a data do varejo teve bastante divulgação e iniciou no Brasil, a servidora pública, Gilcilani Chaves aproveitou e comprou dois smartphones que estavam em lançamento. Mas arrependeu-se da espera nos anos subsequentes. “Só esperei o primeiro ano, porque os demais não compensaram. Os outros anos, os produtos eram a metade do dobro”, criticou a servidora.

Para a servidora, as lojas virtuais aumentam o preço exageradamente semanas antes da Black Friday e logo após voltam ao valor real. “O segredo é ir pesquisando meses antes pra ver o valor dos produtos”, apontou.

Fonte: http://www.acritica.com/channels/cotidiano/news/consumidores-aproveitam-promocoes
Fonte: A Crítica
Tags: Black friday, Compras de fim de ano, Comércio eletrônico, Ecommerce, Varejo
São Paulo - A Casas 17/09/2014 - Saiba quem são as 13 redes de moda que mais vendem no Brasil
São Paulo – Nos últi22/07/2014 - 20 franquias que buscam empreendedores no interior de SP
São Paulo - Ter uma 11/05/2015 - 30 opções de franquias para trabalhar de casa
São Paulo – Muitos e04/08/2014 - 20 opções de franquias para abrir em casa
São Paulo - Muitos e06/07/2015 - 20 franquias para quem pode investir até 20 mil reais
Os shoppings da Gran05/12/2014 - SP: Shoppings têm horário especial em dezembro para compras de Natal
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
comércio eletrônico são paulo inadimplência shoppings economia franquias ipi crédito faturamento supermercados consumo e-commerce veículos varejo vendas natal preços ecommerce indústria comércio

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront