Sexta-feira, 26 de Agosto de 2016
E-commerce de joias pretende faturar R$ 2,5 mi E-commerce de joias pretende faturar R$ 2,5 mi
Na contramão da crise enfrentada pelo Brasil, existem alguns e-commerces em processo de crescimento e com expectativa de faturamento milionário. É o caso da Francisca Joias. Considerada a maior loja virtual de semijoias do Brasil, o empreendimento conta com a criatividade e visão de mercado de sua CEO e fundadora, Sabrina Nunes.

A empresária identificou a falta de um e-commerce como o seu no mercado nacional: um lugar onde mulheres que gostam de semijoias encontram produtos de qualidade e com preço acessível. “Somos uma marca criada especialmente para o universo feminino com acessórios que transitam entre básicos até luxuosos. É uma marca inovadora que comercializa acessórios online com design arrojado e exclusivos, sempre seguindo as principais tendências da moda”, destaca a CEO da marca, Sabrina Nunes.

Atualmente com cerca de 3 mil peças e mais de 475 revendedoras no Brasil, a marca começou com um baixo investimento. “Comecei a empreender pelo site Elo7, fiz uma lojinha com nome Francisca (em homenagem à avó de Sabrina). De início investi R$ 50 e após receber um e-mail do grupo sugerindo um investimento de R$ 300, resolvi arriscar. Investi R$ 300 e vendi R$ 3 mil”, recorda à empresária.

Para conseguir boas receitas mesmo em tempos de recessão, Sabrina aposta no tratamento personalizado aos clientes. “O sucesso da Francisca Joias está relacionado à atenção que direcionamos as clientes. Por exemplo, mandamos o produto em uma caixa personalizada e temos uma fragrância exclusiva da loja”, reforça Nunes. E a atenção ao consumidor, requisito básico para qualquer comércio físico ou virtual, tem dado resultado. “Fechamos o ano anterior com R$ 1,8 milhão”, comemora a empreendedora.

A Francisca Joias oferece às clientes brincos, colares, pulseiras e anéis. Para continuar crescendo, a CEO da loja virtual investe na experiência de compra de suas clientes. “Queremos ser um canal em que essas mulheres possam não só comprar acessórios, mas possam compartilhar sua satisfação, trocar experiências, falar da marca, da praticidade e do glamour de cada produto”, finaliza Sabrina Nunes. Hoje, a empresária também possui um blog com seu nome no qual ela fala sobre tendências de acessórios, como empreender, etc.
Fonte: Agência IN
Tags: Ecommerce, Joias
São Paulo - A Casas 17/09/2014 - Saiba quem são as 13 redes de moda que mais vendem no Brasil
São Paulo – Nos últi22/07/2014 - 20 franquias que buscam empreendedores no interior de SP
São Paulo - Ter uma 11/05/2015 - 30 opções de franquias para trabalhar de casa
São Paulo – Muitos e04/08/2014 - 20 opções de franquias para abrir em casa
São Paulo - Muitos e06/07/2015 - 20 franquias para quem pode investir até 20 mil reais
Os shoppings da Gran05/12/2014 - SP: Shoppings têm horário especial em dezembro para compras de Natal
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
inadimplência preços franquias faturamento ipi vendas veículos comércio shoppings são paulo crédito ecommerce indústria consumo natal comércio eletrônico economia e-commerce varejo supermercados

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront