Quinta-feira, 05 de Maio de 2016
Pesquisa revela crescimento das marcas mais amadas do brasil em 2016 Pesquisa revela crescimento das marcas mais amadas do brasil em 2016
São Paulo, 5 de maio de 2016 – Em tempos de crise econômica, cada vez mais pessoas buscam produtos nacionais para suprir as suas necessidades de consumo. Esta é apenas uma das conclusões da pesquisa “Marcas Mais Amadas do Brasil 2016”, encomendada pelo Centro de Inteligência Padrão (CIP) e produzida pela consultoria Officina Sophia.

“Ao contrário do resultado constatado na edição anterior do estudo, que apontou o crescimento das marcas de luxo entre as mais amadas, este ano nós podemos observar a melhora da qualidade de produtos nacionais e, consequentemente, uma maior procura por estas marcas”, explica o especialista internacional em relações de consumo e varejo e presidente do CIP, Roberto Meir.

Para o presidente da Officina Sophia, Paulo Secches, em tempos de crise, a relevância dos fatores que determinam o amor por uma determinada marca é transformada. “Neste momento, os consumidores dão mais valor à qualidade do produto e se ele, de fato, atende a sua necessidade. Fatores como conexão emocional com a marca, identidade e humanização acabam tendo uma menor importância na avaliação dos consumidores”, afirma Secches.

Para a realização da pesquisa, foram consideradas cinco dimensões. São elas: qualidade do produto, identidade aspiracional; o que a marca ajuda a pessoa a parecer, mesmo que ela não seja, humana; que é a capacidade de humanização da marca (respeito com os seus funcionários e clientes), conexão emocional do indivíduo com a marca e feita para mim; que é a capacidade de personificação da marca para cada consumidor.

“Apesar do amor pelas marcas diminuir um pouco em um período de recessão econômica, observamos o crescimento do amor pelas marcas de consumo em relação ao ano passado. O Boticário, Havaianas e Nestlé, por exemplo, alcançaram uma posição melhor no ranking das marcas mais amadas este ano”, conclui Secches.

Metodologia: a consultoria Officina Sophia considerou dois critérios essenciais para a realização desta análise: um número mínimo de 150 pessoas que deveriam conhecer a marca e a magnitude do vínculo declarado de sentimentos positivos dos consumidores. “Quanto mais pessoas exprimirem uma maior intensidade de amor pela marca, melhor posicionada ela fica no ranking. Além disso, para a elaboração do estudo foi neutralizado o nível de conhecimento dos consumidores pelas marcas. Um ranking das mais amadas não pode ser reflexo da visibilidade, caso contrário nós estaríamos fazendo uma lista de top of mind”, explica Meir.
Em relação à amostra, foram realizadas 1.569 entrevistas entre as principais regiões do país: São Paulo (capital e interior), Rio de Janeiro (capital), Belo Horizonte, região sul e região nordeste. A avaliação considerou as classes socioeconômicas A, B e C e foi composta por homens e mulheres, entre 18 e 59 anos.

Confira abaixo o ranking das 10 marcas mais amadas do Brasil em 2016:

POSIÇÃO - EMPRESA

1º - Harley-Davidson
2º - Nestlé
3º - Rolex
4º - Victor Hugo
5º - Havaianas
6º - Louis Vuitton e O Boticário
7º - Nike
8º - Prada e Land Rover
9º - Ferrari e Dolce&Gabbana
10º - Brastemp

E, a seguir, estão as primeiras colocadas nos 26 segmentos analisados no ranking das marcas de consumo mais amadas do Brasil em 2016:

SEGMENTO - EMPRESA

ARTIGOS ESPORTIVOS - Nike
AUTOMÓVEIS - Land Rover
AUTOMÓVEIS NACIONAIS - Mercedes-Benz
BANCOS - Caixa Econômica Federal
BANDEIRA DE CARTÃO DE CRÉDITO - Visa
BOLSAS - Prada
CALÇADOS FEMININOS - Chanel
CELULARES - Apple
CERVEJAS - Original
COMPANHIAS AÉREAS - TAM
COSMÉTICOS - O Boticário
ELETRODOMÉSTICOS - Brastemp
HIPERMERCADOS e SUPERMERCADOS - Carrefour
JEANS - Levi’s
JÓIAS - H. Stern
MODA MASCULINA - Lacoste
MOTOS - Harley-Davidson
NOTEBOOKS - Apple
OPERADORAS DE BANDA LARGA - Net
POSTOS DE COMBUSTÍVEIS - Ipiranga
PRODUTOS ALIMENTÍCIOS - Nestlé
REFRIGERANTES - Coca-Cola
RELÓGIOS MASCULINOS - Rolex
SANDÁLIAS e CHINELOS - Havaianas
SEGUROS DE AUTOMÓVEIS - Porto Seguro
TV POR ASSINATURA - SKY

Sobre Roberto Meir

É especialista internacional em relações de consumo, varejo e estratégias de relacionamento com stakeholders. Além disso, Meir responde pela autoria dos livros “O Brasil que Encanta o Cliente”, “Ativos Intangíveis – O Real Valor das Empresas”, “Do Código ao Compromisso – Propostas Efetivas para a Melhoria dos Serviços ao Consumidor no Brasil” e os mais recentes “Feitas para o Cliente – As Verdadeiras Lições das Empresas Feitas para Vencer e Durar no Brasil” e “A Era do Diálogo”.

Sobre o Centro de Inteligência Padrão (CIP)

É o núcleo de inteligência e pesquisa do Grupo Padrão, responsável pela execução de estudos, reconhecimentos e premiações de prestígio no mercado de contact centers e varejo, com expertise em todas as dimensões que envolvem o “Relacionamento Empresa-Cliente”.
Fonte: Divulgação
Tags: Pesquisa, Crescimento, Marcas mais amadas, Consumo
São Paulo - A Casas 17/09/2014 - Saiba quem são as 13 redes de moda que mais vendem no Brasil
São Paulo – Nos últi22/07/2014 - 20 franquias que buscam empreendedores no interior de SP
São Paulo - Ter uma 11/05/2015 - 30 opções de franquias para trabalhar de casa
São Paulo – Muitos e04/08/2014 - 20 opções de franquias para abrir em casa
São Paulo - Muitos e06/07/2015 - 20 franquias para quem pode investir até 20 mil reais
Os shoppings da Gran05/12/2014 - SP: Shoppings têm horário especial em dezembro para compras de Natal
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
preços faturamento e-commerce veículos são paulo ecommerce varejo comércio eletrônico inadimplência shoppings comércio ipi crédito natal indústria vendas consumo franquias supermercados economia

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront