Terça-feira, 08 de Dezembro de 2015
Em vez de presentes, empresa online vende experiências Em vez de presentes, empresa online vende experiências
Já pensou em presentear amigos, a família ou seus funcionários com uma experiência de vida? No lugar daquele tradicional vinho de fim de ano, que tal um passeio de balão, um curso de escalada ou aulas de esgrima? Essa maneira inusitada de oferecer experiências chamou a atenção de Andre Susskind em 2009, quando ele resolveu fundar a Viva! Experiências, loja virtual em que o consumidor pode escolher kits de experiências e dar de presente.

“Recebi a ligação de um amigo francês e ele me perguntou se eu conhecia um formato de negócio de experiências. Na época, fiquei encantado com o conceito e comecei a pesquisar melhor, era algo que já existia fora do Brasil. Eu tinha desde a faculdade o sonho de ter o meu negócio. Então partimos de um conceito já existente e adaptamos para o gosto do brasileiro”, conta Susskind.

Uma das adaptações foi a quantidade de experiências de cada kit. Nas empresas estrangeiras, cada pacote chegava a ter 150 opções de serviço. Susskind preferiu lançar por aqui com apenas 18. Divididos em 14 categorias, os serviços são bem variados e para todos os gostos: tratamentos em spas e salões de beleza, aulas de dança, aulas de arco e flecha, esportes radicais, jantares, shows, passeios, teatros, e até diárias em academia. O kit chega até o presenteado em uma caixa com um guia de orientações para acessar o site e escolher a experiência que ele achar mais interessante dentro da categoria ofertada.

Com tíquete médio de R$ 140, a maioria das experiências proporcionadas por intermédio do site estão localizadas em São Paulo, algumas podem ser vividas em todos os estados brasileiros. Além das vendas pela internet, os kits também podem ser encontrados nas livrarias Cultura de São Paulo.

Segmento corporativo

Cerca de 90% do faturamento da Viva! Experiências vêm de clientes corporativos, ou seja, de outras empresas que buscam maneiras de recompensar funcionários, seja por metas alcançadas ou tempo de serviço. As empresas também oferecem a clientes como uma forma de presentear consumidores que participam de ações pontuais, por exemplo, ou de programas de fidelização. “O nosso site é a ferramenta mais importante para venda de negócios corporativos. Há um formulário que as empresas podem preencher e muitos dos nossos projetos nasceram por meio desse formulário”, observa Susskind.

Na contramão do mercado

Ao contrário de setores que estão sentindo os efeitos da crise, a Viva! Experiências espera faturamento três vezes maior este ano, na comparação com 2014. “Nosso mercado de incentivos nas empresas cresce na crise porque as companhias precisam vender, então mais do que nunca querem incentivar seus colaboradores”, observa Susskind.
Fonte: Terra Economia
Tags: Empresa online, Experiências, Ecommerce, Loja virtual
São Paulo - A Casas 17/09/2014 - Saiba quem são as 13 redes de moda que mais vendem no Brasil
São Paulo – Nos últi22/07/2014 - 20 franquias que buscam empreendedores no interior de SP
São Paulo - Ter uma 11/05/2015 - 30 opções de franquias para trabalhar de casa
São Paulo – Muitos e04/08/2014 - 20 opções de franquias para abrir em casa
São Paulo - Muitos e06/07/2015 - 20 franquias para quem pode investir até 20 mil reais
Os shoppings da Gran05/12/2014 - SP: Shoppings têm horário especial em dezembro para compras de Natal
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
indústria ipi comércio preços inadimplência consumo comércio eletrônico faturamento franquias ecommerce e-commerce supermercados são paulo veículos economia varejo natal vendas crédito shoppings

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront