Terça-feira, 03 de Novembro de 2015
Receita na crise: “diminuir” para crescer Receita na crise: “diminuir” para crescer
Em uma pesquisa recente do IBGE foi constatado que o número de empreendedores aumentou 4,7% no Brasil. Um número considerável de pessoas trabalhando por conta própria para espantar a crise. Pessoas que foram demitidas, ou as que querem complementar renda e precisam de duas atividades.

Empresas em ligeira expansão justificam seu crescimento na fase atual e seu sucesso com os futuros franqueados: ambas criaram um modelo enxuto de negócio. Os empresários montaram um novo modelo de franquias reduzidas com baixo custo para o empreendedor.

A Fábrica de Bolo Vó Alzira é um bom exemplo de novos modelos enxutos de empresas, com a comercialização de bolos caseiros, que chegam com fórmula pronta aos franqueados reduzindo mão de obra e possibilitando lojas compactas. Fruto da dona de casa “Vó Alzira”, que aos 68 anos - está hoje a frente de 74 lojas e com uma fila de espera de nada mais, nada menos que 450 candidatos a franqueadores esperando uma vaga para abraçar o negócio, que comemora 84 lojas - 70 abertas e 14 em processo de abertura, 144 mil bolos/mês e gera 500 empregos diretos e 1000 indiretos. Com previsão de 140 lojas até o segundo semestre de 2015 e expectativa de mais 300 até final de 2016, a marca já está presente em todos os principais bairros do Rio e e pelo Brasil. E como a historia da marca vem rompendo fronteiras, ainda este ano será inaugurada a primeira loja em Boca Raton (Palm Beach, Flórida), voltada para o publico americano.

O Hareburger, que também está inaugurando quatro unidades até o fim de 2015, criou um novo esquema em seu menu, de forma que permita a entrada de seus burger em eventos externos para aumentar o fluxo de caixa e lanches rápidos – criou mini burgers, possibilitando novos caminhos para seus produtos e reduzindo o custo com produtos. Além do Haretruck, que entrou na onda do mercado aquecido de “food trucks”, abrindo novos caminhos para quem interesse em investir na marca.

Já a Hamburgueria Zacks, casa com decoração temática inspirada nos inesquecíveis anos 60, com 10 unidades (entre RJ, Brasília e Fortaleza – 3 inauguradas no início do ano). Os sócios, Silvia Carvalho e Paulo Maksoud, seguem com a expansão e novos projetos - Em 2015, a casa está expandindo seus horizontes e dando início a uma nova marca: o Zacks Hot Dogs & Shakes. Esse modelo de negócio viabiliza a entrada do Zacks em pequenos espaços (os quiosques tem cerca de 9m2), com alto fluxo de pessoas: corredores de shoppings, centros comerciais, estações de metrô, escolas e universidades. Uma das principais vantagens é a simplicidade na operação e o baixo número de funcionários, além do custo operacional. A expansão será via franchising.
Fonte: Jornal do Brasil
Tags: Crise econômica, Economia, Empreendedorismo
São Paulo - A Casas 17/09/2014 - Saiba quem são as 13 redes de moda que mais vendem no Brasil
São Paulo – Nos últi22/07/2014 - 20 franquias que buscam empreendedores no interior de SP
São Paulo - Ter uma 11/05/2015 - 30 opções de franquias para trabalhar de casa
São Paulo – Muitos e04/08/2014 - 20 opções de franquias para abrir em casa
São Paulo - Muitos e06/07/2015 - 20 franquias para quem pode investir até 20 mil reais
Os shoppings da Gran05/12/2014 - SP: Shoppings têm horário especial em dezembro para compras de Natal
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
comércio comércio eletrônico natal crédito são paulo shoppings ecommerce inadimplência preços franquias e-commerce consumo economia veículos indústria varejo supermercados ipi faturamento vendas

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront