Quarta-feira, 14 de Outubro de 2015
Saiba como vender seus produtos nos grandes varejistas online Saiba como vender seus produtos nos grandes varejistas online
Talvez você ainda não saiba, mas já é possível vender seus produtos nos grandes varejistas do país como Extra, Ponto Frio, Casas Bahia, Americanas.com, Submarino, entre outros players do mercado brasileiro. Isso é possível através do novo conceito que vem sendo adotado pelos grandes varejistas: o marketplace, uma espécie de shopping online em que diversas lojas podem vender seus produtos dentro do site.

A grande vantagem de utilizar essa nova modalidade de vendas online é poder usufruir da visibilidade dos grandes varejistas e assim aumentar as vendas em escala nacional, conquistar e reter novos clientes. Além disso, ao ingressar nos marketplaces, torna-se desnecessário para o micro e pequeno empresário desenvolver e manter uma loja virtual própria.

Mas, engana-se quem pensa que basta apenas se associar a um marketplace e conquistar o sucesso nas vendas. Tiago Dalvi, CEO da Olist, plataforma inovadora de serviços online que conecta micro e pequenos empreendedores a grandes varejistas, destaca que algumas características são fundamentais para começar a vender nos maiores marketplaces nacionais e internacionais. São elas:

Destaque seus produtos

O primeiro passo para vender em um marketplace é escolher o que destacar nos anúncios principais. Prefira dar ênfase para aquelas mercadorias que são um diferencial no seu negócio, como as exclusivas, por exemplo. Outra boa pedida são os anúncios de kits e de pacotes ou os produtos que vêm acompanhados de brindes.

Capriche nas imagens

Apresentar uma imagem ou uma montagem com um aspecto mais profissional do que o seu concorrente faz diferença para o usuário na hora de escolher com quem ele fechará o negócio. Portanto, dedique tempo para essa atividade, tendo em vista que será a única ligação entre o produto oferecido e o cliente, a princípio.

Seja detalhista

A descrição do seu anuncio é outro fator que exige bastante dedicação do gestor do e-commerce. O texto que acompanha a foto do seu produto precisa mexer com os sentidos do usuário e provocar emoções, ou seja, ser o mais convincente possível sem soar apelativo.

Tome cuidado com os preços dos produtos

No marketplace existe uma grande variedade de produtos do mesmo segmento. Portanto, o consumidor visa não só aquela mercadoria que possui mais valor agregado em um marketplace, mas também aquela que oferecerá mais vantagens financeiras. Por isso, além de trabalhar com as ferramentas de precificação, tendo em vista os seus custos fixos e variados, fique sempre de olho no que a concorrência tem praticado.

Encante o cliente

A maioria dos marketplaces limita o contato do empreendedor com o usuário. Mas se não for este o caso, busque encantar o consumidor. Capriche nas landing pages, nos e-mails marketing e também nos “mimos” oferecidos aos compradores, como cupons de descontos para a próxima compra ou atentando-se ao relacionamento que está sendo criado ali, encaminhando ofertas relacionadas a compras anteriores, a promoções de aniversário ou fretes gratuito.

Respeite o prazo de entrega

Prazos de entrega, qualidade dos produtos e atendimento pré e pós-venda, são aspectos que podem gerar reclamações dos clientes e devem ser muito bem administrados. Portanto, respeite o prazo de entrega e faça o possível para não ter seu produto citado negativamente. Construir uma reputação positiva leva tempo e deve ser feito diariamente.
Fonte: Portal Administradores - www.administradores.com.b
Tags: Vendas, Varejistas online, Marketplace, Shopping online
São Paulo - A Casas 17/09/2014 - Saiba quem são as 13 redes de moda que mais vendem no Brasil
São Paulo – Nos últi22/07/2014 - 20 franquias que buscam empreendedores no interior de SP
São Paulo - Ter uma 11/05/2015 - 30 opções de franquias para trabalhar de casa
São Paulo – Muitos e04/08/2014 - 20 opções de franquias para abrir em casa
São Paulo - Muitos e06/07/2015 - 20 franquias para quem pode investir até 20 mil reais
Os shoppings da Gran05/12/2014 - SP: Shoppings têm horário especial em dezembro para compras de Natal
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
e-commerce comércio eletrônico franquias shoppings comércio inadimplência indústria ipi consumo veículos varejo crédito ecommerce faturamento preços supermercados economia vendas natal são paulo

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront