Segunda-feira, 05 de Outubro de 2015
Movimento Compre do Pequeno Negócio é celebrado nesta segunda-feira Movimento Compre do Pequeno Negócio é celebrado nesta segunda-feira
O Sebrae – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas lançou, em 5 de agosto, em todo o País, um movimento para estimular a sociedade a consumir produtos e a recorrer a serviços fornecidos por micro e pequenas empresas. A ação pretende usar a força dos pequenos negócios – mais de 10 milhões de empresas em todo o Brasil que faturam, no máximo, 3,6 milhões de reais por ano – para fortalecer a economia.

O Movimento Compre do Pequeno Negócio estabeleceu o dia 5 de outubro como data oficial por se tratar do dia em que foi instituído o Estatuto da Micro e Pequena Empresa. A ação inclui um hotsite (www.compredopequeno.com.br) que enumera cinco razões para o consumidor comprar dessas empresas:

1 – Elas se situam perto da sua casa

2 – São responsáveis por 52% dos empregos formais

3 – O dinheiro fica no seu bairro

4 – O pequeno negócio desenvolve a comunidade

5 – Comprar do pequeno negócio é um ato transformador

No hotsite, os empreendedores também poderão cadastrar suas empresas para que o consumidor encontre os produtos e serviços de que precisa perto de sua casa ou do seu local de trabalho. O Sebrae e instituições parceiras vão realizar uma semana de capacitação em todo o Brasil, de 21 a 26 de setembro, para preparar os empresários especialmente para o 5 de outubro, com palestras, consultorias e orientações, por exemplo, a respeito do controle de custos e atendimento ao cliente.

Para incentivar a participação no Movimento Compre do Pequeno Negócio, haverá campanhas na mídia e nas redes sociais, e a distribuição de kits gratuitos para que as pequenas empresas sejam facilmente identificadas pelos consumidores. “O Sebrae tem a expectativa de que o dia 5 de outubro se torne uma data que as pessoas passem a adotar, preferencialmente, para comprar das micro e pequenas empresas, colaborando assim para o crescimento da economia brasileira”, ressalta Barretto.
Fonte: Newtrade
Tags: Pequenos negócios, Sebrae, Varejo, Comércio
São Paulo - A Casas 17/09/2014 - Saiba quem são as 13 redes de moda que mais vendem no Brasil
São Paulo – Nos últi22/07/2014 - 20 franquias que buscam empreendedores no interior de SP
São Paulo - Ter uma 11/05/2015 - 30 opções de franquias para trabalhar de casa
São Paulo – Muitos e04/08/2014 - 20 opções de franquias para abrir em casa
São Paulo - Muitos e06/07/2015 - 20 franquias para quem pode investir até 20 mil reais
Os shoppings da Gran05/12/2014 - SP: Shoppings têm horário especial em dezembro para compras de Natal
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
faturamento varejo vendas são paulo comércio eletrônico consumo comércio crédito e-commerce ecommerce veículos inadimplência preços ipi economia franquias natal supermercados indústria shoppings

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront