Sexta-feira, 05 de Junho de 2015
Varejo gaúcho projeta movimento de R$ 347 mi para o Dia dos Namorados Varejo gaúcho projeta movimento de R$ 347 mi para o Dia dos Namorados
O varejo do Rio Grande do Sul projeta vendas de R$ 347 milhões em presentes para o Dia dos Namorados, comemorado no próximo dia 12. O desempenho é semelhante ao do ano passado, com crescimento zero. De acordo com dados da Associação Gaúcha para o Desenvolvimento do Varejo (AGV), que realizou pesquisa sobre intenções de compras para a data, o valor do tíquete médio deve variar entre R$ 120,00 a R$ 150,00.

A maioria (74,8%) dos participantes pretende comprar presentes alusivos à data, enquanto que 16,5% declararam que talvez e 8,7% que não vão comprar. O valor gasto com o presente, conforme 47,2% dos respondentes, será de R$ 50,00 a R$ 100,00, e para 23,6% de R$ 100,00 a R$ 200,00, enquanto que 13,4% vão destinar de R$? 200,00 a R$ 300,00. Conforme Vilson Noer, presidente da AGV, o Dia dos Namorados tem crescido na preferência do consumidor como evento promocional do varejo, fazendo que a data seja decisiva para o desempenho de junho.

Roupas, calçados, bolsas, cosméticos e acessórios lideram, respectivamente, as intenções de compra. Entretanto, a lista do que gostariam de ganhar inclui joias, eletrônicos e flores. As lojas de rua serão recorridas por 55,1%, as de shopping, por 31,5% e 7,9% comprarão em outros locais. Quanto à forma de pagamento, 41,7% devem optar pelo cartão de crédito, 35,4% por dinheiro e 9,4% pelo cartão de débito.

Do total de entrevistados pela pesquisa, 33,9% pretendem celebrar a data em casa, iguais 33,9% irão comemorar em um bar ou restaurante e 14,2% não pretendem fazer nada. Para Noer, a f?orça do varejo gaúcho ainda está em lojas de rua na maioria dos municípios, fazendo com que a uma boa comunicação de vitrines e de lojas possa ser decisiva nas opções de compra dos clientes na busca do melhor presente para data.

A maioria (54,3%) dos participantes da pesquisa namora há mais de cinco anos, 21,3%, de um a três e 10,2%, de três a cinco. Um total de 55,1% dos namoros apontados pelo levantamento deram em casamento, 7,9% não e 37% ainda estão namorando. Entre o montante que casou, 15% estão unidos de 11 a 20 anos, 11,8% há menos de dois anos, 10,2% há mais de 20 anos e também 10,2% entre dois e cinco anos. Quando questionados sobre a idade em que beijaram pela primeira vez, 48% afirmaram ter sido entre 13 e 15 anos, 26,8% antes dos 13 e 13,4% de 15 a 16 anos. O primeiro namoro foi com 13 a 15 anos para 29,9%, de 15 a 16 para 28,3% e de 17 a 18% para 26%. Já a primeira relação sexual aconteceu entre 17 e 18 anos para 35,4% dos entrevistados, de 15 a 16 para 21,3% e de 13 a 15 para 15,7%.

A maior parte dos entrevistados (70,9%) nunca namorou a distância, mas entre aqueles que namoram ou já namoram dessa forma (29,1%), 11,8% não comemoravam o Dia dos Namorados e 10,2% encontravam-se na data.
Fonte: Jornal do Comércio
Tags: Varejo, Rio grande do sul, Projeção, Dia dos namorados
São Paulo - A Casas 17/09/2014 - Saiba quem são as 13 redes de moda que mais vendem no Brasil
São Paulo – Nos últi22/07/2014 - 20 franquias que buscam empreendedores no interior de SP
São Paulo - Ter uma 11/05/2015 - 30 opções de franquias para trabalhar de casa
São Paulo – Muitos e04/08/2014 - 20 opções de franquias para abrir em casa
São Paulo - Muitos e06/07/2015 - 20 franquias para quem pode investir até 20 mil reais
Os shoppings da Gran05/12/2014 - SP: Shoppings têm horário especial em dezembro para compras de Natal
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
indústria veículos comércio crédito preços e-commerce ecommerce consumo são paulo economia shoppings natal supermercados comércio eletrônico inadimplência varejo franquias vendas ipi faturamento

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront