Sua equipe já está preparada para as vendas neste final de ano? Sua equipe já está preparada para as vendas neste final de ano?
Por Carlos Cruz


Estamos no mês de novembro, enfim, no final do ano. O mercado na época das compras de natal fica mais aquecido e, inclusive, há contratações temporárias, por conta do aumento do volume de clientes nos estabelecimentos comerciais. Para o comércio, garantir que as vendas acompanhem este ritmo é um grande desafio. É importante que os profissionais estejam preparados e tenham estratégias definidas para garantir os números positivos. 

As decorações em clima natalino são essenciais nesse período. As lojas devem preparar suas vitrines com adereços, cores temáticas e buscar meios de atrair a atenção dos compradores. No entanto, é sempre importante lembrar que o atendimento ao cliente é primordial para uma negociação assertiva.

Como o fluxo de pessoas será maior nas próximas semanas e haverá mais produtos a serem oferecidos, é preciso se destacar para conseguir conquistar um maior número de consumidores. Vale ressaltar o fato de que cada comprador tem um motivador e o papel do vendedor é conseguir detectá-los, a fim de levá-lo à  aquisição. 

O comprador precisa ser visto como uma pessoa importante e exclusiva, isso contribui para o fechamento de uma venda, prepara terreno para novos clientes e fideliza os antigos. Promover a identificação com o estabelecimento, atendimento e pós-venda, além da oferta dos produtos, é o segredo para mantê-los assíduos. As pesquisas de satisfação, por exemplo, podem ser adotadas como um termômetro do negócio. 

Ajudar os clientes a satisfazerem necessidades, no entanto, é o papel fundamental deste profissional. Ser criativo, ter bons argumentos e apresentar opções interessantes e personalizadas fazem toda a diferença e tornam o processo de compra mais prazeroso. Mesmo que o comprador entre em uma loja atrás de itens mais baratos, mostre os outros de valores superiores. Isso fará com que conheça a variedade dos produtos que são oferecidos. 

As facilidades no pagamento também são fundamentais. Principalmente nesta época do ano, quando há mais busca de presentes e as compras são numerosas, a procura por parcelamento é ainda maior. No entanto, preparar-se para oferecer esta possibilidade é essencial.

Além disso, os estoques precisam estar abastecidos. Evite deixar o cliente na mão quando procura por um produto. A demanda exige planejamento e estrutura, portanto, fique atento às movimentações do mercado e trace estratégias de negócios de acordo com a realidade do setor. 

Por fim, é bom lembrar que dar estímulos aos vendedores é o principal caminho para bons resultados. Treiná-los para elevar o ticket médio é importante, pois faz com que eles ofereçam mais produtos, sem deixar de lado a sutileza. Neste final de ano – e sempre – busque mostrar a variedade e perceber ao máximo o cliente. 


Carlos Cruz é vendedor profissional, treinador de vendas e diretor do Instituto Brasileiro de Vendas (IBVendas), que atua com foco na formação profissional de vendedores e gestores de vendas. Site: www.ibvendas.com.br.
Tags: Comércio, Treinamento, Desempenho, Fim de ano
28/04/2017 - Não dá mais para brincar de vendinha
03/04/2017 - 6 práticas que matam suas vendas
14/03/2017 - Quer vender mais? Conte uma boa história
10/03/2017 - 3 perguntas para identificar se o seu varejo é eficiente
28/03/2017 - Vendedor, o seu cliente é promotor, neutro ou detrator?
23/03/2017 - Dia do Consumidor – um dia que nunca termina
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
comércio eletrônico sucesso crise desempenho dicas de vendas vendedor comércio negócios vendas atendimento ao cliente dicas consumo marketing atendimento treinamento relacionamento ecommerce varejista vendedores varejo

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront