Os cuidados ao abrir um negócio que está na moda Os cuidados ao abrir um negócio que está na moda
Por Gean Chu

De tempos em tempos surgem negócios que devido a uma série de fatores caem no gosto do consumidor e “entram na moda”. É sempre uma grande tentação aproveitar esse bom momento e entrar também no mercado, mas é necessário que haja uma boa análise dos riscos envolvidos.

Antes de tudo, é importante analisar os motivos que levaram esse negócio à situação atual, para que se consiga ter um bom entendimento do mercado. Essa análise deve responder o que leva o consumidor a desejar este produto ou serviço, e como estruturar um modelo de negócio adequado.

A melhor maneira para iniciar esta pesquisa é estudando quem são os players atuais do mercado, como atuam, quais seus diferenciais, e quais as forças e franquezas de cada um. Se a estratégia de entrada no mercado for simplesmente copiar os modelos já existentes, é muito provável que os players maiores e mais estruturados dominem seu negócio.

Para entrar no mercado é preciso refletir onde os concorrentes estão errando, qual oportunidade estão deixando passar, e o que pode ser feito de forma diferente para tomar proveito disso.

Outro ponto a ser analisado é se existe espaço para a entrada de um novo player, sem que haja canibalização, e consequentes prejuízos para ambos os lados. Pode ser preferível explorar o negócio em uma nova praça, onde ainda exista espaço para crescimento.

Na ocorrência de canibalização entre empresas, é mais provável que sobreviva aquela com melhor infraestrutura, que consiga suportar melhor um período de turbulência, e fornecendo uma melhor percepção de qualidade ao cliente. Esta qualidade vai além do produto ou preço, envolvendo afinidade com a marca, atendimento, entre outros.

Um negócio pode estar na moda por uma série de motivos, como fator novidade, ou alguma situação macroeconômica favorável. Isso pode significar que em determinado momento este mercado pode vir a ser consideravelmente reduzido. Estudando-se bem o negócio, é muito mais fácil de entender como e quando isso pode ocorrer, e se preparar para as mudanças.

Nenhum negócio pode ser planejado tendo em vista apenas o momento de alta no mercado, pois quando a moda passar, você pode nem sequer ter recuperado seu investimento inicial. Para evitar a redução do mercado, a inovação deve estar sempre presente, para que o desejo de compra dos clientes não se perca com o passar do tempo.

No mercado de franquias, é particularmente notável quando um segmento entra na moda, pois em poucos meses dezenas de novas marcas começam a surgir. Nesse caso, busque se associar àquelas que conseguirem responder melhor às suas perguntas, passando maior segurança a respeito do futuro do negócio e planejamento da marca. Neste caso, a Associação Brasileira de Franchising (ABF) é uma boa fonte de pesquisa inicial para entender os diferenciais de cada rede.

Gean Chu é sócio-fundador da rede especializada em paletas mexicanas, Los Paleteros.
Tags: Negócio próprio, Modismo, Empreendedorismo, Franquias, Franchising
16/12/2016 - Equipamentos que todo varejo deve ter
08/11/2016 - Varejo atual: conhecer, combinar e personalizar
26/10/2016 - 4 passos para digitalizar um pequeno varejo
06/12/2016 - Cliente final: O setor de compras deve ter foco nele?
08/03/2017 - 3 dicas para lidar com troca e devolução de produtos
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
ecommerce vitrine franquia crise estratégias ponto-de-venda varejo loja operações comércio franquias empreendedorismo layout pdv exposição franchising vendas planejamento negócios dicas

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront