Como deixar seu e-commerce mais atraente na Black Friday Como deixar seu e-commerce mais atraente na Black Friday
Independentemente do cenário econômico, o comércio eletrônico continua apresentando dados incríveis de crescimento, especialmente durante a Black Friday, que ocorrerá na última sexta-feira de novembro. Para obter sucesso nas vendas, os varejistas on-line precisam que seu e-commerce tenha um visual atraente e confiável. 

Na última Black Friday, o varejo on-line faturou R$ 1,5 bilhão em vendas. A cifra é 76% maior que a arrecadada em 2014, de R$ 872 milhões. Segundo Renata Malagoli, diretora comercial de e-commerce da Linx, há um método muito simples para que o varejista avalie se sua página está preparada para enfrentar a data. “Coloque-se no lugar do usuário e simule uma compra em seu e-commerce. Se perceber dificuldades em alguma etapa do processo, faça os devidos ajustes. Você só tem a ganhar com as correções”, aconselha Renata.

Na pré-Black Friday, a executiva ainda recomenda que os varejistas testem as páginas para ver se o carregamento está de acordo, revejam os preços para saber se o desconto está correto e reorganizem os centros de distribuição de estoque. Abaixo, a executiva lista 8 dicas para tornar seu e-commerce atraente na Black Friday.

1. Atualize o conteúdo

Quanto mais atualizado for o conteúdo publicado na sua página, mais chances ele terá de ser bem ranqueado nas buscas durante a Black Friday. Atualize a descrição dos produtos e as tags, e priorize a objetividade nos textos. 

2. Otimize o SEO do seu site

O SEO (Search Engine Optimization), também conhecido como otimização de sites, refere-se às estratégias que melhoram o posicionamento de um site em ferramentas de busca como o Google. Com ele, os varejistas conseguem aumentar a audiência e as vendas.

3. Potencialize as imagens dos produtos

A busca por imagens é uma ferramenta cada vez mais utilizada para os compradores on-line. Os sites devem classificar cada imagem, com nome e tags adequados.

4. Facilite a disposição dos produtos

Evite que o cliente fique procurando o que deseja comprar e permita que o item seja localizado com a maior facilidade possível.

5. Permita que o acesso seja rápido e fácil

Durante a Black Friday, facilite a navegação do consumidor. Um site que disponibiliza um acesso simples e informativo só tem a ganhar.

6. Tenha um bom sistema de buscas

Em geral, mais da metade do tráfego passa pelo sistema de busca procurando por algum produto ou categoria específica. Num evento como o Black Friday é fundamental que isso funcione bem e que o usuário encontre o que precisa, com os descontos corretos.

7. Crie uma versão para celular

Se o seu site não tiver uma versão mobile, isso pode se tornar um empecilho para o consumidor. Não perca tempo e desenvolva.

8. Ofereça links para as redes sociais

Se você pretende que sua empresa ganhe destaque, permita que os consumidores compartilhem rapidamente informações sobre suas compras nas mídias sociais.

Fonte: www.administradores.com
Tags: Dicas de vendas, Varejo, Ecommerce, Black friday
02/03/2017 - O poder secreto dos gatilhos mentais e do neuromarketing
16/02/2017 - Como utilizar a gamificação como estratégia para o e-commerce?
10/02/2017 - O comportamento do idoso perante as compras online
16/06/2017 - Expo Fórum de Marketing Digital
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
branding crise estratégias fidelização ecommerce sucesso consumo neuromarketing marcas apps varejo comércio varejista relacionamento ponto de venda negócios concorrência marketing marca vendas

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront