• Setembro de 2017
Home / Artigos / Gestão

Empresas investem em sistemas de pagamentos via telefone celular

Tirar fotos, tocar música, agendar compromissos, controlar orçamento.... Os celulares ganham cada vez mais funções no dia a dia das pessoas. Uma outra possibilidade que começa a ganhar força por aqui é o pagamento de contas e as vendas por meio de dispositivos móveis. Essas facilidades para o consumidor podem gerar bons negócios para o empreendedor, que está do outro lado do "balcão virtual".

A cobrança chega pelo aplicativo e rapidamente o cliente paga a conta. Sem necessidade de mexer na carteira. É o chamado mobile commerce.
Um restaurante na Zona Oeste de São Paulo começou a usar o sistema em novembro do ano passado. Por enquanto, menos de 10% dos clientes fazem o pagamento pelo celular. Mas o proprietário do restaurante, Francisco Barroso, acredita que este número deve crescer em pouco tempo. Ele ressalta que tudo que é novo demora a "pegar", mas que a demanda deve crescer.

A avaliação do empresário, de que o uso do sistema deve aumentar nos próximos tempos, está de acordo com o resultado de um levantamento feito por uma empresa de pagamento eletrônico em 22 países, que mostra que o comércio via dispositivos móveis cresce quase três vezes mais do que a média de crescimento do e-commerce tradicional.

A pesquisa aponta que os smartphones respondem por 9% desses gastos online. Os tablets, 5%. A maioria dos compradores brasileiros via celular tem entre 18 e 34 anos.

As marcas que querem usar o sistema podem entrar nas plataformas de empresas de pagamentos eletrônicos. Neste caso, terão que pagar um percentual a cada transação feita. Ou criar o próprio aplicativo, que pode custar entre R$ 50 mil e R$ 120 mil.

Fonte: G1